Ninguém tem a exclusividade do bem…

Porquê então a tendência gananciosa e invejosa quando nos julgamos “donos dos milagres”, “proprietários da verdade”, “únicos criadores de bem e de beleza”? QUEM DERA QUE NÃO TIVÉSSEMOS CIÚMES DE QUEM, NÃO SENDO COMO NÓS, fará, com certeza, mais e melhor do que nós…

Vídeo do P. João Torres

Diariamente lemos o mundo na procura de sentido para encontrarmos a mensagem religiosa necessária para si. Fazemo-lo num tempo confuso que pretende calar o que temos para dizer. Sem apoios da nomenclatura publicitária, vimos dizer-lhe que precisamos de si porque o nosso trabalho não tendo preço necessita do seu apoio para continuarmos a apostar neste projecto jornalístico.

Deixe uma resposta

*