A Senhora cheia de graça

Cada ano civil, começa com uma Solenidade de Nossa Senhora. Começamos sempre do melhor modo possível, com a Mãe de Deus, o maior de todos os títulos e de todas as missões da Virgem de Nazaré. Daí o ter sido concebida sem pecado, ser, como Lhe disse o Arcanjo no dia da Anunciação, “Cheia de Graça”. Plena da vida de Deus, ensopada do divino, repleta de toda a santidade na máxima perfeição. A graça é a vida de Deus, a vida trinitária, em amor pleno e perfeito. É esse dom que Maria Santíssima recebeu de Deus, que viveu intensamente. Por isso a Solenidade de Mãe de Deus é para nós um modo excelente de iniciar o ano. Começamos com a Mãe de Deus, a Mãe da Humanidade, a Mãe da Igreja, a Mãe das famílias, a Mãe de cada um de nós. Que poderíamos desejar mais? Louvores, honra, e glória à Mãe de Deus, a Cheia de Graça, que vamos celebrar a 15 de Agosto como a Senhora da Assunção.

Suplicar graça

Nascemos com o pecado original que nos foi perdoado no batismo, mas somos frágeis e pecadores, temos tendências más, cedemos às tentações, somos homens e mulheres pecadores. Todos sem exceção. Os santos e as santas também foram, mas nunca desistiram. Foi com a proteção, o amparo, a ajuda da Cheia de Graça, que conseguiram lutar, vencer batalhas, alcançar heróica santidade. Olhando o mundo à nossa volta vemos, sentimos, tocamos o mal e o pecado de muitos modos, dentro e fora da Igreja, nas famílias e em nós mesmos. Só a Cheia de Graça, a vencedora da serpente maligna, a vencedora do dragão, daquele a quem Jesus chama o pai da mentira, o homicida desde o início, o príncipe das trevas, o enganador astucioso, só Ela, a Santa Mãe de Deus, nos pode ajudar a vencer batalhas, a crescer na santidade pessoal e comunitária, e construir um mundo onde reine a paz, a justiça, a beleza do amor. Só a Cheia de Graça, a Quem devemos recorrer cada dia muitas vezes, Ela que tem o poder de intercessão junto de Jesus Redentor, nos poderá ajudar no meio deste “vale de lágrimas”, e ajudar a lutar por um mundo melhor, mais digno, onde se respeite a vida e a dignidade da pessoa humana. Só Ela, a Cheia de Graça, a Mãe de Deus, pode ajudar a Igreja a converter-se sempre mais em Esposa santa de Jesus Cristo. Só a Cheia de Graça, pode ajudar os jovens a descobrir o valor da virgindade, da consagração, da entrega a Deus. Só a Mãe de Deus nos pode ajudar a crescer na santidade, a lutar contra o mal e o pecado. Suplicar sem cessar sua ajuda, sua intercessão, de omnipotência suplicante: “Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora da nossa morte”.

Consagrar-se à Cheia de Graça

Que belo e maravilhoso dia, que bela Solenidade a da Assunção de Nossa Senhora para nos entregarmos a Ela, para Lhe consagrar, a nossa vida, a nossa família, a Igreja, a humanidade, cada pessoa e cada paróquia. Todos entregues à Mãe de Deus, a Cheia de Graça, a Senhora da Assunção, com confiança renovada, com renovado empenho de lutarmos pela santidade, de fazermos este mundo melhor, de ajudar a converter inteligências e corações, sobretudo daqueles que governam os povos e têm nas mãos os destinos das pessoas, da paz, da vitória contra o mal. Começamos o ano no Coração da Cheia de Graça, vamos ser convidados a 15 de Agosto, com o propósito firme de A imitar, de com Ela lutar contra o mal, o pecado, o maligno. Viver unidos à Mãe de Deus, a Cheia de Graça, à Senhora da Assunção. Rezar em família, em paróquia, em comunidade, em diocese, suplicando graça e dom, através de Santa Maria, Mãe de Deus. Consagrar países, estruturas, consagrar escolas e fábricas, consagrar o mundo inteiro. Consagrar pobres e ricos, analfabetos e doutores, doentes e sãos, bispos, sacerdotes, consagrados e consagradas, famílias, leigos de todas as idades e condições. Todos consagrados Àquela que é a Cheia de Graça. E os corações vão mudar, as vidas vão mudar, o mundo vai mudar. A Mãe de Deus, a Cheia de Graça, a Senhora da Assunção, nos ajudará. Confiemos, consagremo-nos, rezemos, clamemos por Ela.

 

P. Dário Pedroso * Sacerdote jesuíta

Diariamente lemos o mundo na procura de sentido para encontrarmos a mensagem religiosa necessária para si. Fazemo-lo num tempo confuso que pretende calar o que temos para dizer. Sem apoios da nomenclatura publicitária, vimos dizer-lhe que precisamos de si porque o nosso trabalho não tendo preço necessita do seu apoio para continuarmos a apostar neste projecto jornalístico.

3 Comments

  1. Artigo muito interessante, progundo e belo, fazendo jud ao edtilo ptoprio do autor e que muito contribui para um amor a Maria, nossa Mae, dada por Jesus a cada um de nós. Sim a Senhira da Assunção é nosdo apoio e refugio. Roga oir nós Santa Mãe de Deus!

  2. Corrigindo os erros de grafia: Artigo muito interessante e profundo, fazendo jus ao estilo do autor e contribuindo para um amor esclarecido, genuíno e belo a nossa Mãe por dádiva de Jesus.
    Sim, Nossa Senhora da Assunção é nosso refúgio, nossa Mãe querida. Roga por nós Santa Mãe de Deus.

Deixe uma resposta

*